Menú

MERCADO

Algodão tem a melhor cotação desde 2011

No mercado à vista, vendedores se mantém firmes na oferta restrita e compradores realizam as negociações necessárias para atender demandas rápidas

O preço do algodão em pluma segue em alta no mercado brasileiro, impulsionado pela oferta restrita. De acordo com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), entre 8 e 15 de maio, a cotação subiu 4,2%, fechando a R$ 3,5758 por libra-peso na terça – o maior valor diário nominal desde o dia 14 de abril de 2011, quando a libra-peso estava cotada em R$ 3,6246.  

Pesquisadores do Cepea explicam que vendedores têm disponibilizado poucos lotes da pluma no mercado à vista, pelos quais pedem valores acima dos ofertados por compradores. Essa postura mais resistente está balizada no bom escoamento da safra 2016/2017, principalmente com exportações, na desvalorização do Real nos dois últimos meses, o que desfavorece as importações, e nas incertezas quanto ao período de entrada da nova safra no spot, que vai depender de como será o final do ciclo da lavoura.

Do lado comprador, muitos adquirem pequenos volumes para atender a necessidades rápidas. Outras indústrias estão fora do mercado, trabalhando com a matéria prima já contratada e/ou diminuem a produção. Empresas alegam dificuldade em repassar as valorizações da pluma aos derivados e, com isso, se mantêm na expectativa de queda no preço do algodão com o avanço da colheita da nova safra.

Nome:

Email:

Deixe um comentário:

Escreva os números da imagem:

últimas notícias

Previsão para hoje -


▲ Máx
▼ Min




Confira a previsão dos próximos dias

Fonte: Somar Meteorologia